Passar para o Conteúdo Principal

Laureano Barros, Rigoroso Refgio

Educao | 02 de Outubro de 2017

Com o intuito de dar a conhecer a vida e obra do Laureano Barros, grande bibliófilo que reuniu na sua quinta da Fonte da Cova uma das mais extraordinárias bibliotecas privadas portuguesas da segunda metade do século XX, bem como aproximar o público escolar da produção documental e cinematográfica, teve lugar, no passado dia 27 de Setembro, no Agrupamento de Escolas de Ponte da Barca, uma ação de apresentação do documentário "Laureano Barros, Rigoroso Refúgio", que conta com depoimentos de Armando Alves, Eduardo Lourenço, Fernando Echevarría, Fernando Guimarães, entre outros, assim como uma sessão de esclarecimento e debate sobre a produção cinematográfica nacional.

A sessão iniciou com a apresentação da figura de Laureano Barros às turmas do curso de Multimédia, desde a sua vida dedicada à literatura e ao espírito livre, a amizade com grandes escritores portugueses e ainda a sua ligação a Ponte da Barca e à Quinta de Fonte Cova, bem como explicado como era composta a sua magnífica biblioteca e o porquê do seu desmantelamento.
Catarina de Sousa, produtora do documentário ´Laureano Barros, Rigoroso Refúgio´, explicou, depois, todo o processo de produção deste documentário e os desafios que surgiram na sua execução, apresentando ainda outros registos cinematográficos da sua autoria, nomeadamente trailers publicitários e curtas-metragens de forma a explicar aos alunos a diversidade e a variedade criativa do vídeo e do cinema, uma das variantes da multimédia.